Fiscalização de Atividades Urbanas – FAU – Natal/RN

Arquivo para maio, 2016

Natal|RN – Operação conjunta resgata 26 pássaros no Bairro Pajuçara

Extraída do Portal do Município do Natal.

O trabalho conjunto do Grupamento de Ação Ambiental da Guarda Municipal do Natal (GAAM/GMN), de Fiscais Ambientais da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo (SEMURB), de agentes da Delegacia de Prevenção aos Crimes de Meio Ambiente (DEPREMA) e do Ibama resultou na tarde de quinta-feira (19.05) na apreensão de 26 aves que estavam sendo comercializadas ilegalmente e se encontravam em cativeiro em quatro residências situadas no Bairro Pajuçara, na Região Norte da capital.

De acordo com informações dos guardas municipais que participaram da operação, a apreensão foi fruto de uma investigação em redes sociais, quando um dos infratores se utilizou do meio para divulgar a comercialização ilegal dos pássaros.  Diante disso, as equipes monitoraram o suspeito e chegaram até a sua residência e em outras três casas onde as aves estavam em cativeiro.

No momento da abordagem, o suspeito do delito foi identificado como sendo condenado pela justiça, estando na ocasião cumprindo a pena em liberdade condicional. O mesmo foi detido pelos guardas municipais e policiais civis e conduzido a Delegacia Especializada em Proteção ao Meio Ambiente (DEPREMA).  Já os pássaros foram levados a sede da DEMURB onde passaram por uma avaliação, foram alimentados e entregues aos cuidados do Ibama. A aves devem ser libertadas pelo Ibama em uma unidade de preservação ambiental fora de Natal.

O tráfico e o comércio ilegal de espécies da fauna silvestre é crime podendo o transgressor ser punido com pena de seis meses a um ano de detenção, além de multa administrativa por crime ambiental de tráfico, que corresponde a R$ 500 por cada ave e se o animal for ameaçado de extinção, o valor sobe para R$ 5 mil. “Essa prática é danosa ao meio ambiente e é crime, por isso pedimos que as pessoas não comprem nem vendam animais silvestres, e se tiverem conhecimento desse tipo de crime denunciem”, solicitou o subcomandante da Guarda Municipal, Franklin Roosevelt.

Natal|RN – Agentes Ambientais inibem invasão de área pública no Planalto

Uma denúncia de invasão de área pública do município realizada via Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (CIOSP) ao Grupamento de Ação Ambiental da Guarda Municipal do Natal (GAAM/GMN) resultou na demolição de imóveis erguidos a margem da Avenida Engenheiro João Hélio, no Bairro Planalto, Zona Oeste da Capital.  A ação se deu na manhã de sexta-feira (20.05) e mobilizou Guardas Municipais e Fiscais Ambientais da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo (SEMURB).

A ação ilegal de ocupação de terreno público chegou ao conhecimento da Guarda Municipal há pelo menos 15 dias. Desse modo, uma equipe operacional do GAAM/GMN foi deslocada para o setor no sentido de averiguar a denúncia e mapear a ação de segurança para possibilitar a remoção das construções. Com a constatação da irregularidade, o Setor de Fiscalização Ambiental da SEMURB foi acionado e visitou a área notificando o embargo administrativo da obra e dando o prazo legal para que o responsável desocupasse o local.

De acordo com informações repassadas pela equipe de guardas municipais que apoiaram a operação de demolição, foi montado um esquema com a utilização de caminhão muque, o que possibilitou a derrubada da edificação e a retirada dos entulhos gerados na operação. “É importante lembrar que a pessoa que invade terreno público e lá efetuar obra comete crime e é um dever do município coibir esse tipo de invasão, evitando danos sociais e ao meio ambiente”, comentou o coordenador em exercício do Grupamento de Ação Ambiental da GMN, Franklin Roosevelt.

A população pode contribuir com o combate a esse tipo de delito efetivando denúncias pelo número 190 do CIOSP.  No órgão há uma equipe de guardas municipais que repassam as informações para as unidades operacionais de patrulhamento da GMN e para o Setor de Fiscalização Ambiental da SEMURB “É importante que a população denuncie”, concluiu Franklin Roosevelt.

Extraído do Portal do Município do Natal.

São Paulo|SP – 220 felizardos Fiscais participarão do evento do ano

Este é um convite especial, feito pela Presidente do Sindicato dos Agentes Vistores e Agentes de Apoio Fiscal de São Paulo  – SAVIM,

Claret Fortunato

Convido a todos os meus amigos a participarem deste Seminário. Será uma ótima oportunidade para conhecerem representantes da Fiscalização de Atividades Urbanas de várias partes do Brasil , discutir conosco os problemas e propor soluções.

Foram divulgadas a programação e as inscrições para o SEMINÁRIO DE FISCALIZAÇÃO DE ATIVIDADES URBANAS DA CIDADE DE SÃO PAULO.

Sob o tema “Novos tempos. Novos horizontes.”, o Sindicato dos Agentes Vistores e Agentes de Apoio Fiscal de São Paulo  – SAVIM promoverá nos dia 23 e 24 de junho de 2016 o evento fiscal do ano.

Faço minhas as palavras de Fernando Duarte Guimarães:

Desde quando voltei do Encontro Regional de Fiscalização de Atividades Urbanas de Natal-RN sonhava com um evento parecido em Sampa.
Este Seminário é a concretização de um sonho, de uma luta e de um latente desejo do Sindicato dos Agentes Vistores.
Será uma oportunidade para o diálogo, troca de experiências e enfrentamento dos maiores problemas do meio ambiente urbano da cidade de São Paulo.

Este evento representa muito mais do que uma pausa para se discutir os problemas da cidade de São Paulo que a sua Fiscalização enfrenta diuturnamente.

Em verdade, é um momento incrível para que possamos ter uma abordagem nacional da Fiscalização de Atividades Urbanas, aí inclusos: Agente Fiscal, Agente Vistor, Auditor de Atividades Urbanas, Auditor Fiscal de Atividades Urbanas, Fiscal de Atividades Econômicas, Fiscal de Feiras Livres, Fiscal de Posturas, Fiscal Integrado, Fiscal Municipal, Fiscal Urbano, Inspetor Fiscal, Fiscal de Obras, Fiscal de Obras e Serviços Urbanos, Fiscal de Obras e Urbanismo, Fiscal do Comércio e Indústria, Fiscal Ambiental e Fiscal Sanitário, todos reunidos sob a denominação FAU do Código 2545-05 da CBO.

INSCRIÇÕES ABERTAS NO PERÍODO DE 19/05/2016 A 13/06/2016

Estão abertas as inscrições para a participação no Seminário de Fiscalização de Atividades Urbanas da Cidade de São Paulo 2016 !

Somente 220 vagas!

Os interessados deverão enviar os dados abaixo para o e-mail: seminario.fiscalizacaosp2016@gmail.com

Nome Completo:
Estado:
Cidade:
Instituição:
Celular:
e-mail:
Função:

CUSTO DA INSCRIÇÃO:  na entrada da Galeria Olido, doação de 1 kg de ração para cães ou gatos (A-D-O-R-E-I).

IMPORTANTE: para o email indicado pelo participante na sua inscrição será enviado o certificado digital de participação. Eu sei que o SAVIM fez parceria com a Escola do Servidor, isto quer dizer que o certificado poderá ser anexado ao prontuário individual de cada participante na sua Prefeitura (para os que têm avaliação de desempenho e/ou promoção por mérito, felicidade dupla: poder participar do evento e pontos preciosos no RH).

Programação


Para quem é de fora de São Paulo, aqui algumas sugestões para hospedagem (por conta e risco do participante rsrsrs):

Cinelândia Hotel – (escolhi este, barato – vou pagar R$169 a diária – e colado da Galeria Olido), segundo a Assessora de Comunicação do SAVIM que tá batalhando muuuito pra este evento dar certo, Geane Kelly Moraes Corseiro,o Cinelândia é bem legal e quase em frente ao local do evento“, veja as outras dicas, mas informem-se sobre o preço atual das diárias:

Espero que estejam todos bem ! Conforme combinado realizamos visitas em alguns Hotéis e abaixo citaremos os nomes e nossa percepção sobre os mesmo:

Ibis Consolação: O Hotel fica em ótima localização ao lado do metrô Paulista/Consolação, há apenas uma estação do local onde será o evento, próximo da Avenida Paulista, bons bares, padarias, local seguro para circular a noite.

O quarto é confortável e pode acomodar até três pessoas. Nesta unidade está disponível quarto com uma cama de casal e quarto com uma cama de casal e uma cama de solteiro, o quarto é pequeno. É cobrado o valor por apartamento e não por hospede. Oferece café da manhã por R$ 14, 90 este valor e não está incluso. Os valores da diária viriam R$ 179,00 á R$ 279,00. (Consultar o site com a data que desejada)

Paulista Center Hotel: Fica a 300 metros do metrô Paulista/Consolação, há apenas uma estação do local onde será o evento, próximo da Avenida Paulista, bons bares, padarias, local seguro para circular a noite.

O Hotel oferece café da manhã e internet, Hotel antigo mas confortável, ao lado do hotel está acontecendo uma obra ( construção de um empreendimento, possível ocorrer barulho na parte da manhã). Diária quarto simples R$ 155,00, quarto duplo R$ 190,00

Hotel Cinelândia: Hotel simples, tem bons quartos com ar condicionado (instalações novas),oferece café da manhã e fica há alguns metros do local onde será realizado o Seminário, uma boa opção para quem quer ficar na região central. Diárias: Quarto Solteiro R$ 159,00, Quarto Duplo R$ 199,00, Quarto Triplo R$ 261,00.

Esperamos que as dicas ajudem.

Um abraços as todos! Um beijão para todos!

Extraída do Sítio Fiscal de Posturas.

Natal|RN – Prefeitura lança novo número de atendimento da Ouvidoria – Fone 162

Extraída do Portal do Município do Natal.

Foto: Marco Polo

Com o intuito de agilizar o atendimento e, ao mesmo tempo, facilitar o relacionamento com o cidadão, a Prefeitura de Natal, por meio da Ouvidoria Geral do Município o serviço telefônico com o número tridígito 162 para ouvir demandas e sugestões da população. Lançado oficialmente pelo Prefeito Carlos Eduardo na tarde de quinta-feira (12.05), no Palácio Felipe Camarão, o novo serviço vai substituir o número de atendimento anterior.

“Esse é um serviço necessário e que facilita o acesso da população à Prefeitura e, consequentemente, da Prefeitura à população. Infelizmente, não poderemos atender prontamente a todas as demandas, mas nesses casos elas serão avaliadas e inseridas dentro do orçamento do Município para que sejam resolvidas o quanto antes”, destacou o Prefeito Carlos Eduardo.

O número 162 está à disposição da população de segunda a sexta-feira, no horário das 8 às 14 horas. Uma equipe formada por sete pessoas está preparada para atender as demandas da população. Atualmente, a média diária de atendimentos na Ouvidoria é de 100 ligações. A expectativa é de que essa quantidade aumente.

“Esperamos um maior número de atendimentos, pois o 162 é um número mais fácil de memorizar. Além disso, vamos atender também as demandas relacionadas à dengue. A população pode ligar para o 162 para solicitar a visita de um agente de saúde, por exemplo. Sem contar, é claro, as solicitações mais recorrentes, sobre iluminação pública, limpeza urbana, mobilidade urbana e pavimentação”, explicou a ouvidora-geral do Município, Raíssa da Costa.

Novo Aplicativo

A Ouvidoria Geral do Município está desenvolvendo um novo sistema para facilitar ainda mais o contato da população com a Prefeitura do Natal. O “Fala Natal” vai permitir que o usuário realize o auto-atendimento através do computador ou do próprio celular.

“Atualmente, o usuário telefona ou encaminha um e-mail para a Ouvidoria, nós recebemos as informações, geramos um protocolo e mandamos para as secretarias. Com o “Fala Natal”, a população já vai cadastrar a demanda na hora, através do computador ou celular, e já sai com o protocolo para acompanhar o andamento da sua solicitação”, antecipou Raíssa Costa.

Natal|RN – AMANA reforça ações de combate à exploração sexual de crianças e adolescentes

As crianças do Projeto Agente Mirim Ambiental de Natal (Amana), que é coordenado pela Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Social (Semdes) e operado por agentes da Guarda Municipal do Natal (GMN), reforçaram durante toda a quarta-feira (18.05), as ações de combate ao abuso e a exploração sexual de crianças e adolescentes. Os alunos do Amana efetivaram as medidas de conscientização social em dois pontos, sendo no Parque da Cidade Dom Nivaldo Monte e no Bairro Cidade Nova, que faz limite com a Zona de Proteção Ambiental 01.

A movimentação iniciou cedo com uma blitz educativa realizada na frente do Centro de Educação Infantil Marize Paiva, em Cidade Nova. As crianças levaram para a rua cartazes alertando a sociedade sobre a necessidade de denunciar as autoridades competentes qualquer ato de abuso e de exploração sexual contra crianças e adolescentes. Foi divulgando o disque 100, que é o canal de denúncia e os motoristas parados durante a blitz receberam informações e folders informativos esclarecendo como agir diante de delitos dessa natureza.

As atividades foram reforçadas no período da tarde, dessa vez o alvo foram os frequentadores do Parque da Cidade do Natal. Os alunos do Amana se dividiram em equipes e atuaram logo na entrada Parque abordando as pessoas que entravam a pé, enquanto outra equipe agia no estacionamento conversando com os visitantes que chegavam em veículos. Nas abordagens eram passadas informações sobre o tema e principalmente era fortalecida a necessidade de denunciar os crimes de abuso e exploração.

De acordo com o Guarda Municipal e Coordenador do Amana, Marconi Lucas, o ato de esclarecimento a sociedade alcançou dezenas de pessoas durante todo o dia. “Conseguimos informar muitas pessoas, pois o assunto é sério e muito recorrente, com casos gravíssimos, inclusive no próprio núcleo familiar e tem que ser combatido”, comentou.

Outro ponto alertado pelo Coordenado do Amana foi relacionado aos canais de denúncia que funcionam regularmente todos os dias da semana. “Qualquer caso suspeito deve ser denunciado pelo disque 100, que funciona diariamente das 8h às 22h, inclusive feriados”, concluiu.

Texto: Assecom GMN.
Contato: assecomgmn@hotmail.com.

Natal|RN – Município vai ganhar aplicativo que informa o horário de ônibus em tempo real

A Secretária da STTU, Elequicina Maria dos Santos juntamente com  uma comissão formada por busólogos apresentou em 17/05 o aplicativo que transmite a localização dos ônibus em tempo real, através de GPS. Com o serviço, os usuários podem saber o horário exato de chegada dos ônibus aos pontos de embarque e desembarque na cidade do Natal. Além de conhecer o aplicativo, os busólogos testarão o sistema e poderão avaliar e sugerir melhorias por meio de um acordo de cooperação.

O aplicativo, que ainda não recebeu um nome de batismo, será gratuito e poderá ser baixado em sistemas de smartfhones e tablets, além de computadores. Com o novo sistema, o usuário poderá consultar informações sobre todas as linhas e saber o horário que os ônibus passarão no destino escolhido para embarcar ou desembarcar.

De acordo com a Secretária Elequicina Maria, “uma das vantagens é o usuário ter a certeza sobre o horário de quando o ônibus vai chegar ao ponto de embarque onde ele está localizado e assim permitirá programar o horário certo para sair da casa, do trabalho, da escola, do entretenimento, hospital, etc, sem esperar pelo ônibus na parada”.

Além dessa vantagem, aplicativo disponibilizará também serviço mostrando o tempo de viagem entre a origem e destino do usuário. Com isso, o usuário saberá sobre a hora certa que chegará ao compromisso assumido.

Para o Consultor André Castro, gestor do aplicativo, “o sistema está aberto para disponibilizar outras possibilidades. Basta para isso, o usuário sugerir que estudaremos a viabilidade da sugestão, desde que seja de interessa da comunidade usuária do Serviço de Transporte Público de Passageiros de Natal”.

Extraído do Portal do Município do Natal.

Natal|RN – Defesa Civil Municipal avalia grau de risco de imóveis da Comunidade do Jacó

Agentes da Defesa Civil Municipal e Assistentes Sociais da Secretaria Municipal de Habitação, Regularização Fundiária e Projetos Estruturantes (Seharpe) estiveram na segunda-feira (16.05), na Comunidade do Jacó, Zona Leste da capital, para identificar e avaliar as possíveis áreas de risco presentes na localidade. O trabalho tem como principal objetivo catalogar as residências com problemas de desabamento no intuito de listas as famílias para entrar em cadastro de programas sociais de distribuição de residências em áreas seguras.

De acordo com a Secretária Adjunta de Defesa Civil de Natal, Fabrizia Lima, o trabalho efetivado alcançou os quarteirões onde as edificações são passíveis de problemas. Nesse caso, os agentes da Defesa Civil entrevistaram os proprietários e analisaram a situação das casas na intenção de emitir pareceres apontando o grau de risco das edificações. “Muitas das famílias já recebem o aluguel social ou auxílio moradia, porém a intenção da prefeitura é por meio de programas sociais conseguir deslocar essas pessoas para habitações seguras”, explicou.

O relatório técnico diagnosticando e mapeando a situação de risco da Comunidade do Jacó vai ser produzido pela Defesa Civil e encaminhado a Seharpe, que fica com a missão de promover programas de habitação popular em articulação com os órgãos federais, regionais e estaduais, como também com as demais organizações da sociedade civil. O plano é que com a avaliação de grau de risco emitida pela Defesa Civil Municipal, as famílias com imóveis em situação mais críticas possam ser contempladas com maior urgência.

Extraída do Portal do Município do Natal.