Fiscalização de Atividades Urbanas – FAU – Natal/RN

Arquivo para a categoria ‘Bichinho de estimação’

João Pessoa|PB – Vira-lata é o preferido dos brasileiros e Centro de Zoonoses conta com mais de 15 cães para adoção

Por Rômulo Teodorico

Uma pesquisa realizada pelo Instituto QualiBest com tutores em todo o País revelou que os cães vira-latas são maioria nos lares brasileiros, chegando atingir os 41% das casas. Aqui em João Pessoa, o Centro de Vigilância Ambiental e Zoonoses (CVAZ) conta com mais de 15 animais para adoção.

Com base na pesquisa a Médica Veterinária do CVAZ, Suely Ruth, revelou as vantagens de adotar um animal vira-lata. “Adotar um cão de raça desconhecida é muito recomendado, pois ele tem uma imunidade melhor e ele tem menos dificuldades de adoecer do que o animal de raça”, disse.

Mas também alertou para adoção responsável. “É importante que a população tenha o entendimento que o animal ficará em torno de quinze anos na casa de quem adotou e é preciso fornecer todo cuidado ao cãozinho”, finalizou.  Quem quiser adotar um bichinho precisa garantir alguns cuidados, que são importantes para o dia a dia do animal na sua nova casa, que são eles: alimentar ele bem, cuidar da higiene, cuidar caso tenha alguma doença, oferecer carinho e amor.

Para adotar, o interessado deve ter 18 anos, apresentar um documento de identidade com foto, comprovante de residência e participar de uma orientação sobre o bem e posse responsável do animal com a equipe da Gerência de Vigilância Ambiental e Zoonoses. Todos os disponíveis para adoção estão saudáveis e imunizados.

Sobre a pesquisa – Conforme o levantamento, 41% das casas brasileiras tem um vira-lata. Depois aparecem poodle (11%), pinscher (7%), labrador (5%), pit bull (3%) e lhasa apso (3%). O instituto escutou 7.084 pessoas com mais de 18 anos.

Serviço – O Centro de Vigilância Ambiental e Zoonoses fica localizado na Avenida Walfredo Macedo Brandão, 100, Bancários. Mais informações podem ser obtidas pelos telefones (83) 3218- 9357 ou (83) 3214-3459.

Extraído do Portal da Municipalidade de João Pessoa.

Anúncios

Aracaju|SE – Campanha de Vacinação Antirrábica começa na segunda-feira

clique para ampliar

Segundo a Diretora da Vigilância em Saúde, Taise Cavalcante, a primeira etapa terá início com os postos de vacinação itinerante (Foto: Silvio Rocha)

Assim como os humanos, os animais também podem sofrer com algum tipo de doença. Como forma de prevenção, a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) do Município de Aracaju, começa a Campanha de Vacinação Antirrábica na segunda-feira, 18.09, e segue até o dia 7 de outubro. A meta para este ano é vacinar 64 mil animais, entre cães e gatos.

A campanha está dividida em quatro etapas. Segundo a Diretora da Vigilância em Saúde, Taise Cavalcante, a primeira etapa terá início com os postos de vacinação itinerante. Este ano, o foco será a Zona de Expansão de Aracaju.  “Existem moradores que criam cães e gatos e não têm veículo para conduzir os animais para tomar a vacina nos postos fixos. Por esse motivo, a gente sai de porta em porta, para vacinar esses animais na primeira semana da campanha. Iremos atuar com quatro equipes, cada uma composta por 15 profissionais”, explicou.

Outro ponto abordado pela Diretora da Vigilância em Saúde e que deve ser levado em consideração, é que de acordo com os moradores de regiões mais afastadas, ainda existem nessas áreas animais silvestres, a exemplo de raposa. “A gente necessita da colaboração de todos. Essa proteção é muito importante para evitar que os animais peguem a doença e transmitam para donos e pessoas próximas”, alertou.

No ano passado, foram vacinados 2.833 animais nos postos itinerantes. Este ano, a expectativa é de vacinar 4.500. Os dados são da Secretaria Municipal da Saúde.

Postos fixos

As outras etapas compreendem os sábados dos dias 23 e 30 de setembro e 7 de outubro. Durante esses dias, os donos de cães e gatos, devem ir aos postos de vacinação fixos espalhados na cidade, das 7h às 17h. “A gente sabe que a raiva é uma doença que mata. Portanto, esses animais precisam estar imunizados para evitar o retorno ou o aparecimento de algum caso. No fim de 2016, por exemplo, foram diagnosticados dois casos de raiva animal”, ressaltou a diretora de Vigilância em Saúde.

Extraído do Portal da Municipalidade de Aracaju.

Recife|PE – Município realiza evento para estimular adoção de cães e gatos

img_altFoto: Inaldo Menezes/PCR

A Prefeitura do Recife promove, na tarde desse domingo (17.09), uma feira de adoção de animais na área externa do estacionamento do Shopping Center Recife, em Boa Viagem. Os interessados inscreveram cachorros e gatos para o 27º evento de adoção organizado pela Secretaria Executiva dos Direitos dos Animais (SEDA).  Foram oferecidas cem vagas estão sendo disponibilizadas.

Para participar da feira de adoção, os caninos e felinos precisam estar saudáveis e ter tomado pelo menos a primeira dose da vacina polivalente. Quem solicitou a inscrição teve de responder a um questionário com informações sobre o animal e precisará acompanhá-lo durante o evento, que será das 13h às 17h.

Já para adotar os cães e gatos, é necessário ter mais de 18 anos, apresentar documento com foto e comprovante de residência, passar por uma breve entrevista e assinar um termo de responsabilidade. Veterinários da SEDA estarão no local para prestar orientações para os novos tutores sobre guarda responsável, vacinação, vermifugação, castração e cuidados com higiene e alimentação. Desde 2013, quando a Prefeitura do Recife começou a realizar a feira de adoção de animais, cerca de mil caninos e felinos ganharam novos lares.

Extraído do Portal da Municipalidade do Recife.

Natal|RN – SMS reforça chamado para campanha de vacinação antirrábica

Divulgação SMS

Iniciada no dia 15 de agosto passado, a Campanha Antirrábica 2017, desenvolvida pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), já vacinou 15.290 cães e 7.599 gatos domésticos, o equivalente a 15,7% e 18,4% da população de cães e gatos, respectivamente, em Natal, que é de aproximadamente 142 mil. A vacinação prossegue até o próximo dia 18 de outubro.

Segundo a Chefe do Setor de Educação e Comunicação do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), Huyliane de Souza, quem for proprietário de mais de três cães e/ou gatos de estimação pode solicitar o agendamento da visita domiciliar da SMS, para que um técnico em zoonoses vá até a residência onde estão os animais e os vacine contra a raiva.

“A raiva é uma doença que pode ser transmitida ao homem e causar até a morte deste, por isso é tão importante manter a vacinação dos animais de estimação atualizadas. Quem tiver muitos animais e tiver dificuldades para levá-los aos postos de vacinação pode agendar uma visita domiciliar pelos telefones (84) 3232-8235 ou o (84) 3232-8237”.

A campanha antirrábica terá seu “Dia D” no dia 7 de outubro (sábado).  Nessa primeira fase da ação, estão sendo imunizados os animais que vivem em áreas com maior possibilidade de contaminação por raiva, transmitida geralmente por morcegos contaminados com o vírus da doença.

A meta de animais a ser vacinados é de 60%, de acordo com o Ministério da Saúde, que compreende 85.143 animais, entre cães e gatos. Em Natal existem uma população de 99.793 cães e 42.112 gatos, totalizando o número de 141.905 animais.

Extraído do Portal da Municipalidade do Natal.

Natal|RN – Operação Asas da Liberdade resgata aves silvestres na feira livre do Carrasco


Foto: Fiscalização Ambiental da SEMURB/SANBIO

Fiscais Ambientais da Secretaria de Meio Ambiente e Urbanismo do Município do Natal (SEMURB) e agentes da Delegacia Especializada em Prevenção ao Meio Ambiente (DEPREMA) e do Grupamento de Ações Ambientais da Guarda Municipal de Natal (GAAM/GMN) realizaram mais uma operação de combate ao tráfico e maus tratos de animais nas feiras livres de Natal, resultando no resgate de 41 aves silvestres das mãos de comerciantes e três pessoas detidas para averiguação junto a DEPREMA.  A operação “Asas da Liberdade” coordenada pela SEMURB foi realizada na manhã de quarta-feira (05.07) na feira livre do Carrasco, localizada no Bairro das Quintas.

A fiscalização conjunta é uma rotina para combater esse tipo de crime nas feiras livres da capital potiguar.  De acordo com o Supervisor de Fiscalização de Ambientes Naturais e Biodiversidade da SEMURB, Gustavo Szilagyi, os animais silvestres já foram encaminhados ao IBAMA/RN, para serem avaliados quanto a sua saúde, e posterior reintrodução na Natureza.

Dentre as espécies resgatadas que estavam sendo comercializadas estão dois sabiás-laranjeira, cinco garibaldes (papa-arroz), um tico-tico, três golinhas, dois azulões, vinte e dois galos-de-campina, cinco sibites e uma graúna (assum-preto).

Szilagyi informa ainda que a multa para quem for pego comercializando, guardando em cativeiro ou depósito, ou ainda, transportando espécimes da fauna silvestre sem autorização é de R$ 500,00 por animal apreendido e pode chegar até R$5 mil se o animal estiver na lista de ameaçados de extinção.  Além disso, a pessoa responde por crime ambiental de acordo com o Decreto Federal nº 6.514/2008 e a Lei Federal 9.605/1998.

O Supervisor enfatiza também que nos caso de criadouros domésticos, a pessoa que quiser entregar o animal voluntariamente aos órgãos responsáveis pode fazê-lo sem sofrer sanções. “Basta entrar em contato com a SEMURB pelo telefone da Ouvidoria e solicitar a ida de uma equipe até o local. A mesma lei que pune os infratores também abre essa possibilidade de renúncia da guarda ilegal sem a lavratura de multa”, explica.

As gaiolas, alçapões e vários recipientes usados para alimentação dos animais é destruído para que não seja mais utilizado. Você também pode ajudar no combate aos maus tratos e tráfico de animais em Natal, basta ligar para a Secretaria de Segurança Pública no 181, para a Linha Verde do Ibama no 0800 618 080, ou ainda para Ouvidoria da SEMURB no 3616-9829,  que funciona no horário das 8h às 14h e fazer sua denúncia.

Extraído do Portal da Municipalidade do Natal.

Natal|RN – Agentes Ambientais resgatam aves silvestres no Bairro Nossa Senhora da Apresentação

Agentes do Grupamento de Ação Ambiental da Guarda Municipal do Natal (GAAM/GMN) e Fiscais Ambientais da Secretaria de Meio Ambiente e Urbanismo do Município (SEMURB) resgataram  10 pássaros silvestres que estavam confinados em gaiolas numa residência situada na Rua Martins da Silva, no Bairro Nossa Senhora da Apresentação, Zona Norte de Natal.  As aves resgatadas eram das espécies galo de campina, xexéu bico de osso, sabiá praieira, sebite e concriz.

De acordo com os Guardas Municipais que participaram da ocorrência, a denúncia da localização do cativeiro das aves silvestres foi feita por um cidadão que não quis se identificar. “As equipes de fiscalização foram enviadas ao local e ao identificarmos o endereço da residência denunciada o proprietário voluntariamente fez a entrega dos pássaros e dos equipamentos utilizados para aprisionar as aves”, contou um dos guardas.

Os pássaros vão passar por uma avaliação veterinária realizada por técnicos da SEMURB e em seguida deverão ser devolvidos ao seu habitat.  Já o material utilizado para manter as aves presas, a exemplo de gaiolas e viajantes, serão destruídos pelos guardas municipais. A iniciativa tem objetivo de fazer com que os equipamentos não possam ser reaproveitados.

Em caso de denúncias envolvendo o comércio ilegal, maus tratos ou confinamento de animais silvestres o cidadão pode informar ao Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp), discando 190. No local, existem equipes que vão direcionar a ocorrência para as viaturas de patrulhamento ostensivo no intuito de inibir delitos dessa natureza. “Essa prática é danosa ao meio ambiente e é crime, por isso pedimos que as pessoas não mantenham presas, não comprem nem vendam animais silvestres, e se tiverem conhecimento desse tipo de crime denunciem”, solicitou a Coordenadora do GAAM/GMN, Francineide Maria.

Texto: Assecom GMN.
Contato: assecomgmn@hotmail.com.

Extraído do Blog AsseComGMN.

Salvador|BA – Castramóvel segue para Cajazeiras X no mês de maio

O serviço itinerante de castração gratuita de cães e gatos por meio do Castramóvel chega a Cajazeiras X, a partir do dia 8 de maio.  O atendimento será na Unidade de Saúde da Família (USF) Cajazeiras X, situada na Rua Ministro Apolônio Sales, Rua D, Quadra D, Setor 2, s/n, próximo ao campo da Pronaica.  Os donos dos pets poderão levar seus animais até o dia 1º de junho.

A unidade móvel faz o cadastramento e triagem dos animais nas segundas e terças-feiras do mês, onde uma avaliação é feita antes de passar pela cirurgia. Às quartas, quintas e sextas-feiras, ocorre o procedimento de castração. Os atendimentos acontecem diariamente, sempre de 8h às 12h. São distribuídas 100 fichas.

Requisitos – O responsável pelo animal precisa comparecer ao local com documento de identidade, cartão SUS e caderneta de vacinação antirrábica. O animal precisa ter entre seis meses e cinco anos de vida. Se fêmeas, não podem estar em período gestacional, e o bicho não pode ter peso superior a um quilo.

Extraído do Portal da Municipalidade de Salvado.